menu.about

about.history

OS MISSIONÁRIOS

Abraham e Mary Harder, missionários americanos que vieram trabalhar no Brasil, exatamente no Rio Grande do Sul, no início da década de 1920, tinham um desejo no coração: fundar uma escola de internato, onde os alunos pudessem morar, trabalhar e estudar. Seus líderes, porém não lhes deram permissão para que o sonho fosse realizado.

 

1920

02

NASCE O COLÉGIO CRUZEIRO DO SUL

Passados alguns anos, vendo que não receberiam licença para a fundação da sonhada escola, o casal Harder, sob a orientação segura de Deus, resolveu empregar seus próprios recursos (que não eram muitos) e comprar terras para seu colégio. Comprou parte de uma fazenda que ele já conhecia, nas proximidades de Taquara. Alugou uma casa grande e ali recebeu os primeiros alunos. Estava fundada a Escola Cruzeiro do Sul. Era finais de 1928.

 

INÍCIO DAS AULAS

Ernesto Roth, jovem vindo da Alemanha, foi convidado pelo Pr. Harder para ser o primeiro

professor. Ele também exímio carpinteiro e marceneiro. Construiu o primeiro prédio de aulas, que também serviria de dormitório. Construiu também as carteiras, mesas e tudo mais que fosse necessário. No dia 11 de março de 1929, aconteceu a primeira aula na nova escola.

1929

TEMPOS DIFÍCEIS

Muito queriam estudar, mas poucos tinham condições financeiras. O Pr. Harder montou um laticínio para que os alunos pudessem trabalhar. Fizeram horta, criavam galinhas. Os filhos do missionário com alguns alunos iam vender esses produtos na cidade. Queijo, manteiga, nata, ovos, verduras eram esperados ansiosamente pelos taquarenses. Moças internas só foram aceitas em 1930. Com isso, diminuiu o trabalho da Sra Harder, que tinha apenas uma auxiliar. Por 2 anos, ela conduziu a escola sozinha. Seu esposo era presidente da Associação e não pôde deixar o posto antes que chegasse o seu substituto.

1930

 

PRIMEIROS SUCESSOS

Mesmo com muitas dificuldades. O Cruzeiro do Sul foi crescendo. Mais prédios, mais

professores, mais alunos internos e externos. Houve crises, nas quais se viu claramente o

cuidado de Deus. A história da nossa escola registra algumas intervenções pessoais de anjos.

A união entre todos era tão grande que os alunos, à imitação dos três filhos, chamavam o

casal de missionários de Papai Harder e Mamãe Harder. Em 1932, formou-se a primeira

turma. As primícias da escola do Sul.

1932

06

NOVOS TEMPOS

Em 1937, Mamãe Harder sentia-se cansada e um tanto doente. O casal resolveu então doar a sua Escola à Organização Adventista. Pr Harder vendeu o laticínio e alguns animais para ter com que recomeçar a vida e entregou a Escola à organização. Dr. Octávio Espírito Santo segundo diretor, oficializou o Cruzeiro do Sul segundo as leis do governo e o colégio passou a chamar-se Ginásio Adventista de Taquara. Em 1957, foi implantado o Curso Comercial. Acrescentou-se, então ao nome da escola o termo “e Escola Técnica de Contabilidade”.

1937

07

MAIS CURSOS

À medida que o Colégio crescia na parte física com mais prédios, mais facilidades, a parte

intelectual também crescia. Na década de 1960 foram criados o Curso Normal e o Curso

Científico. Mudou-se o nome para Instituto Cruzeiro do Sul – ICS. Dois anos depois, foi enfim, tomado o nome oficial que perdura até hoje: Instituto Adventista Cruzeiro do Sul – IACS.

Algum tempo depois, nova lei governamental estabeleceu que junto com o 2º grau, deveria

haver cursos profissionalizantes. Foram então instituídos os cursos técnicos: Contabilidade, Magistério, Auxiliar de Laboratório de Análises Químicas – ALAQ, Enfermagem, Informática e Música. Em 2003, nova lei extinguiu esses cursos e passou-se a ter apenas Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio.

1960

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

EDUCAÇÃO DE QUALIDADE

E o Colégio cresceu. Instalações modernas adequadas às necessidades dos alunos. Complexo poliesportivo, refeições preparadas com cuidado, professores qualificados. Alunos internos e alunos externos recebem orientações seguras para a vida. A Escola dispõe um Conservatório Musical onde muitos alunos estudam vários instrumentos e também canto. O Colégio recebe alunos de muitos estados do Brasil e também do exterior. Preparo para a vida é a tônica do ensino no IACS.

1960

09

ASPECTO RELIGIOSO

Embora pertencendo à Organização Adventista, o IACS recebe alunos de quaisquer segmentos religiosos. Contudo a parte espiritual é levada muito a sério. Os ensinos bíblicos, norteiam os princípios educacionais desde 1928. Durante esses 87 anos, vários foram os locais de reunião.

Em 1976, começou-se a construir um templo. Vários imprevistos fizeram com que a

construção demorasse e somente na década de 1990, o templo passou a ser efetivamente

usado. Mais uma ou duas reformas internas e o IACS passou a ter um belo templo onde alunos e comunidade se reúnem para louvar a Deus e para reuniões especiais.

1990

10

O IACS NÃO PARA DE CRESCER

A cada ano surgem novas necessidades, A tecnologia mudou a face do mundo e o colégio tem de se adaptar a isso. Já providenciou muitos caminhos para que os alunos desfrutem dessas inovações do progresso. Sempre há inovações às quais tem que se dar a devida atenção. Novos departamentos precisam ser criados e muitas outras coisas mais. Mas a escola avança sem receio, pois Deus sempre esteve velando por ela e sempre estará.

2015

about.timeline

1928

NASCE O COLÉGIO CRUZEIRO DO SUL

Passados alguns anos, vendo que não receberiam licença para a fundação da sonhada escola, o casal Harder, sob a orientação segura de Deus, resolveu empregar seus próprios recursos(que não eram muitos) e comprar terras para se

1928

NASCE O COLÉGIO CRUZEIRO DO SUL

Passados alguns anos, vendo que não receberiam licença para a fundação da sonhada escola, o casal Harder, sob a orientação segura de Deus, resolveu empregar seus próprios recursos(que não eram muitos) e comprar terras.

1929

INÍCIO DAS AULAS

Ernesto Roth, jovem vindo da Alemanha, foi convidado pelo Pr. Harder para ser o primeiro professor. Ele também exímio carpinteiro e marceneiro. Construiu o primeiro prédio de aulas, que também serviria de dormitório.

1929

INÍCIO DAS AULAS

Construiu também as carteiras, mesas e tudo mais que fosse necessário. No dia 11 de março de 1929, aconteceu a primeira aula na nova escola.

1930

TEMPOS DIFÍCEIS

Muito queriam estudar, mas poucos tinham condições financeiras. O Pr. Harder montou um laticínio para que os alunos pudessem trabalhar. Fizeram horta, criavam galinhas.

1930

TEMPOS DIFÍCEIS

Os filhos do missionário com alguns alunos iam vender esses produtos na cidade. Queijo, manteiga, nata, ovos, verduras eram esperados ansiosamente pelos taquarenses. Moças internas só foram aceitas em 1930.

1930

...

Com isso, diminuiu o trabalho da Sra Harder, que tinha apenas uma auxiliar. Por 2 anos, ela conduziu a escola sozinha. Seu esposo era presidente da Associação e não pôde deixar o posto antes que chegasse o seu substituto.

1932

PRIMEIROS SUCESSOS

Mesmo com muitas dificuldades. O Cruzeiro do Sul foi crescendo. Mais prédios, mais professores, mais alunos internos e externos. Houve crises, nas quais se viu claramente o cuidado de Deus.

1932

PRIMEIROS SUCESSOS

A história da nossa escola registra algumas intervenções pessoais de anjos. A união entre todos era tão grande que os alunos, à imitação dos três filhos, chamavam o casal de missionários de Papai Harder e Mamãe Harder.

1932

PRIMEIROS SUCESSOS

Em 1932, formou-se a primeira turma. As primícias da escola do Sul.